UMA FAMÍLIA MELHOR NÃO SE SONHA, SE FAZ

Família “abrigo”, “ninho”, “aconchego”, “intimidade”, “cumplicidade”, ambiente onde as pessoas se amam e se cuidam. Pensamentos que rondam os sonhos de quem constitui família. Mas os sonhos com imagens HD no melhor estilo propaganda de margarina começam a ficar desfocados quando enfrenta-se a realidade das diferenças que aparecem já no início do casamento provocando a necessidade de ajustes e negociações constantes. Os sentimentos de que o filme está migrando de categoria deixando de ser “romance” e tornando-se “suspense” e em alguns casos até de “terror”, aumentam quando os relacionamentos passam a incluir os filhos (a adolescência!!!!!!). O sonho parece ruir e quando isto acontece sinaliza apenas uma coisa, as pessoas envolvidas foram ingênuas achando que bastava sonhar. A família precisa ser construída e por ser também um processo trabalhoso exige antes de tudo o amor que leva a dedicação, renúncia, perdão, diálogo, “abrir mão”, simplicidade, humildade, gentileza, compreensão, na verdade a lista que é longa nada mais é do que o desdobramento do amor. Amor que não é prisioneiro das palavras, mas que se torna palpável nas ações. Para que as famílias sejam melhores se faz necessários homens, mulheres, maridos, esposas, pais e filhos que sonham, mas tem a coragem de AMAR.

“Ora, se alguém não tem cuidado dos seus e especialmente dos de sua própria casa, tem negado a fé, e é pior do que o descrente.” 1 Timóteo 5:8

Anúncios

~ por celsommachado em 08/02/2012.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: